terça-feira, fevereiro 17

O jogo do Anjo



Da série Leitura de Férias, esse a gente encontra em qualquer esquina. Tem pra vender até no Carrefour. O jogo do anjo, fenômeno de vendas na Espanha, segue a trajetória de sucesso que Carlos Ruiz Zafón conquistou com A Sombra do Vento.

Suspense, aventura, morte, amizade, romance, tudo numa história ambientada na Barcelona dos anos 20. É uma delícia reconhecer os lugarzinhos do Bairro Gótico, a Igreja Santa Maria del Mar, mercado Sant Antoni, porto velho, Raval, Tibidabo, Born: cenários da história do escritor David Martín, que recebe uma encomenda perigosa de um misterioso editor estrangeiro.
Mesmo que em alguns momentos o autor tenha pesado na tentativa de seguir a fórmula, o que traz a sensação de já ter lido algumas passagens, é divertido reencontrar - em outro tempo -personagens e lugares mágicos, como a livraria Semprini e o cemitério dos livros esquecidos. Tudo gira em torno do universo dos livros. O fato é que o sucesso de público e crítica é justificado pelo modo mágico como somos fisgados pela leitura. As últimas cem páginas são lidas num fôlego só. Te engancha!

Tradução: Eliana Aguiar
Editora Objetiva

2 comentários:

Cacá disse...

Tá ficando cada vez mais emocionante.Quase não dá mais pra ler de noite. Além de dormir tardíssimo eu levo o David e a casa da torre pros meus sonhos.

Liliane disse...

Viu, só? Não disse que vicia... Boa leitura! Bjs ;)